Tradutor

terça-feira, 7 de julho de 2015

Bombeiros de Vidago integram (GRIF) no incêndio de Mogadouro

Bombeiros de Vidago integram (GRIF) no incêndio de Mogadouro

Duas bombeiras, com 50 e 24 anos de idade, sofreram ontem segunda-feira, 6 de Julho, queimaduras nas pernas e braços quando participavam nas operações de combate a um incêndio no concelho de Mogadouro, distrito de Bragança. As duas mulheres foram transportadas de helicóptero para o Hospital de S. João, no Porto.

Segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), o incêndio eclodiu poucos minutos após as 13 horas na freguesia de Bruçó, em pleno Parque Natural do Douro Internacional.

Às 18:45 horas, a ANPC informava que no combate ao incêndio encontravam-se 134 operacionais, dos quais 106 bombeiros auxiliados por 34 meios, para além de elementos dos Sapadores Florestais, elementos do Grupo Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS) entre outros. No combate ao fogo estavam também seis meios aéreos: quatro aviões médios e dois pesados.

A mesma Autoridade Nacional dava conta da presença de Grupos de Reforço para Combate a Incêndios Florestais (GRIF) de Vila Real e de Viseu.

O (GRIF)  de Vila Real comandado pelo segundo comandante Pinto dos Bombeiros de Ribeira de Pena, integrava 4 ECIN de Vidago, Cerva, Régua e Cheires. 2 VTGC de Cruz Branca Vila Real e Sanfins do Douro e uma Ambulância de Socorro da Cruz Branca de Vila Real.





Sem comentários:

Enviar um comentário